Conecte-se conosco

header-top



 




 

20/05/2024
 

Comunidade

Quatro cães são resgatados em situação de abandono em Canoas

Redação

Publicado

em

Quatro cães são resgatados em situação de abandono em Canoas - Foto: Renan Caumo

A Secretaria de Bem-Estar Animal (SMBEA) fez na terça-feira, 19, o resgate de quatro cachorros no bairro São José. Os cães, três fêmeas e um macho, estavam em situação de abandono em uma casa.

Na denúncia, é relatado que os maus-tratos aconteciam desde o ano passado. As equipes de fiscalização da SMBEA, a Guarda Municipal e a Polícia Civil estiveram presentes na ação.

Resgate de cães no bairro São José - Foto: Renan Caumo

Resgate de cães no bairro São José – Foto: Renan Caumo

Após o resgate, a equipe realizou um boletim de ocorrência na delegacia e os cães foram encaminhados para a Secretaria, onde devem passar por exames e tratamento adequado, de acordo com a diretora de Saúde Animal e médica veterinária da SMBEA, Katia Gueiral Lima.

“Eles receberão todo o suporte nutricional adequado, as medicações e vacinação, porque não sabemos como estavam antes”, completou. Essa já é a segunda vez que esses animais são resgatados pela secretaria.

O titular da pasta, Paulo Facio, reforçou que as equipes da SMBEA estão fazendo as fiscalizações e farão os resgates sempre que necessário.

“É impressionante o estado dos animais que estavam ali. Por isso, ressaltamos que a Prefeitura de Canoas está nas ruas fiscalizando. A SMBEA está checando as denúncias de maus-tratos. E nós vamos retirar, sim, os animais, caso seja preciso. Nós vamos combater os maus-tratos a animais em Canoas”, disse.

Abandono é crime; denuncie!

O abandono de animais é crime, de acordo com a lei 9.605/98. Em 2020, com a aprovação da lei 14.064 houve um aumento na pena para maus-tratos, prevendo de dois a cinco anos, multa e proibição de guarda.

Comunidade

Serviço de recuperação de documentos na cidade de Canoas começou nesta quarta-feira

Redação

Publicado

em

Serviço de recuperação de documentos na cidade de Canoas começa nesta quarta-feira

O Poder Judiciário do RS, em parceria com a Defensoria Pública e o Registro Civil das Pessoas Naturais (RCPN) de Canoas  a partir desta quarta-feira, 15, uma força-tarefa para identificação e registro civil das pessoas atingidas pelas enchentes que estão abrigadas nos alojamentos temporários do município. O serviço funcionará das 9h às 17h.

“Recomeçar é Preciso!”

O Programa “Recomeçar é Preciso!” levará uma comitiva composta por juízes, servidores, estagiários e defensores públicos para realizar o levantamento dos dados para confecção da segunda via das certidões de nascimento e casamento e certidão de óbito, a fim de garantir o direito básico de identificação civil.

Nesta primeira fase, com o apoio de professores e alunos da Universidade Luterana do Brasil, serão atendidas as pessoas que estão no alojamento da Ulbra, pois conta com o maior número de atingidos pela catástrofe natural que assolou o Estado.

O alojamento da Ulbra está localizado na Av. Farroupilha, número 8001 – São José, Canoas

 

Continuar a ler

Comunidade

DESASTRE NO RS: Defesa Civil de Canoas reforça pedido por doação de cobertores

Redação

Publicado

em

DESASTRE NO RS: Defesa Civil de Canoas reforça pedido por doação de cobertores - Foto: Bruna Ourique

A Prefeitura de Canoas, por meio da Defesa Civil, necessita, com urgência, da doação de cobertores para ajudar as famílias resgatadas pelas equipes de socorro. O item se faz necessário para aquecer as pessoas que estão sendo retiradas das águas.

As doações poderão ser entregues na Central de Doações, localizada na Cassol Centerlar, na Avenida Farroupilha, 5775, no bairro Marechal Rondon.

Além dos cobertores, a comunidade também pode contribuir com colchões, produtos de limpeza, itens de higiene, água, toalhas e alimentos perecíveis e não perecíveis.

Continuar a ler

Comunidade

DESASTRE NO RS: Barcos de voluntários fazem a diferença nos resgates na cidade de Canoas

Redação

Publicado

em

DESASTRE NO RS: Barcos de voluntários fazem a diferença nos resgates na cidade de Canoas - Foto: Bruna Ourique

O apoio de voluntários com o uso de barcos e outras embarcações de pequeno porte vem fazendo a diferença nas ações de resgate em diferentes regiões da cidade de Canoas.

De acordo com a Defesa Civil, os meios de transporte possibilitam o acesso às áreas tomadas pelas cheias e onde não é mais possível a aproximação a pé ou com veículos automotores. Além disso, as estruturas também são utilizadas durante à noite, quando os resgates aéreos estavam impossibilitados.

Prefeito faz apelo por ajuda

O prefeito de Canoas, Jairo Jorge, fez um apelo para que mais proprietários de embarcações contribuíssem com os resgates de modo voluntário.

“Se as pessoas tiverem barcos, nós estamos necessitando muito desses meios. Em grande parte dos locais, com a elevação da água, somente conseguimos ingressar de barco nos bairros. Então, apelamos para que as pessoas realmente cedam barcos para que a gente possa continuar trabalhando o dia. Solidariedade é a palavra certa. E, nós, felizmente, diante desta magnitude do desastre em Canoas, de outro lado, percebemos que, felizmente, a nossa raça humana continua sendo solidária”, destacou o prefeito durante live em suas redes sociais.

Os proprietários de barcos são orientados a comparecer até a sede do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na sede da Segurança Pública de Canoas (Rua Humaitá, 1130, Nossa Senhora das Graças), para melhor organização dos resgates.

Já as demais pessoas interessadas em atuar como voluntários, em outras diferentes frentes, podem seguir até a sede da Defesa Civil (Rua Bandeirantes, 450, Nossa Senhora das Graças).

Continuar a ler
publicidade

Destaques

Copyright © 2023 Jornal Timoneiro. Developed By Develcomm