Conecte-se conosco

header-top



 




 

15/04/2024
 

Comunidade

Com salários atrasados, vigilantes de dois hospitais prometem paralisação

Avatar

Publicado

em

Sindicato diz que não foi recebido por responsável pelo contrato. Foto: divulgação/Sindivigilantes do Sul

Sindicato diz que não foi recebido por responsável pelo contrato. Foto: divulgação/Sindivigilantes do Sul

 

Trabalhadores que fazem a segurança nos hospitais Universitário (HU) e de Pronto Socorro (HPSC) em Canoas fizeram uma manifestação na última sexta-feira, 16. Eles reclamam por ainda não terem recebido o salário deste mês. O Sindivigilantes do Sul, sindicato que representa a categoria, afirma que os funcionários aceitaram a proposta da empresa de pagar o salário até o dia 22 deste mês. Em caso de novo atraso, prometem greve.

O Secretário de Políticas Públicas e Sociais do sindicato, Marlon Celso da Costa, aponta que o grupo Mãe de Deus, que administra os hospitais mesmo que estes sejam de responsabilidade da Prefeitura, emprega mais de 100 vigilantes. “No posto de serviço da Ulbra são auxiliares de segurança privada, auxiliam na segurança. Mas naquele posto tinham vigilantes e agora não tem mais”, aponta justificando que os auxiliares é quem fazem a segurança. Ainda segundo ele, outras empresas que prestam serviços direta ou indiretamente para a Prefeitura também apresentam problemas. “Fizeram um movimento [na sexta-feira] em protestos, paralisando até às 11 horas no HU. No momento do protesto, o pessoal ficou de braços cruzados”, conta Marlon.

Conforme informou, “ficou acertado com a empresa uma previsão para o dia 22 [de setembro]. Eu achei um absurdo. Os trabalhadores aceitaram essa proposta mediante algumas promessas, como fazer o pagamento no dia 22 e, no próximo mês, efetuar o pagamento no 5º dia útil. Se não receberem, a partir do dia 23 será greve”, conclui.
A diretoria do sindicato procurou o gestor responsável pelo contrato na quinta-feira, 15, mas não foram atendidos no HU. “Ele não quis atender os diretores que foram até o posto, Marlon Costa, Mariza Abrão e Gerson Farias”, informou o Sindivigilantes em seu site.

Os diretores decidiram, então, realizar um ato na frente da empresa prestadora do serviço, Equipesul (CTTE), no bairro Navegantes em Porto Alegre. A empresa é contratada pela Associação Educadora São Carlos – AESC, do Grupo Mãe de Deus, que, por sua vez, é a responsável terceirizada pela Prefeitura para administrar os hospitais.

Responsabilidades

Questionada, a Prefeitura de Canoas informou que “a responsável pela contratação da segurança é a Associação Educadora São Carlos (AESC), que informou à Secretaria Municipal de Saúde já ter feito o pagamento à empresa de vigilância”. A reportagem tentou contato com a empresa onde o sindicato realizou a manifestação, mas o responsável não se encontrava no local.

Continuar a ler
Clique em Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comunidade

Moradores dos bairros Niterói e Nossa Senhora das Graças podem agendar castração de cães e gatos na quarta-feira, 27

Redação

Publicado

em

Moradores dos bairros Niterói e Nossa Senhora das Graças podem agendar castração de cães e gatos na quarta-feira, 27

As inscrições para agendamento da castração de cães e gatos desta semana será na região Sudeste de Canoas. Na quarta-feira, 27, os interessados podem buscar o serviço na Subprefeitura, localizada na rua Marechal Rondon, 100, no bairro Niterói.

Na quinta-feira, 28, no mesmo bairro, o agendamento acontecerá na Praça da Juventude João de Barro. As iniciativas são gratuitas e ocorrem das 9 horas às 12 horas. No total, serão disponibilizadas 40 fichas para cada local.

A ação é promovida pela Secretaria de Bem-Estar Animal.

O que precisa levar

Os tutores interessados em solicitar o serviço devem comparecer no local, com documento de identidade, comprovante de residência e CPF. É preciso também ter renda familiar per capita de até três salários mínimos e estar inscrito no CadÚnico.

Apenas os moradores da região da Subprefeitura, que abrange os bairros Nossa Senhora das Graças e Niterói, podem encaminhar o atendimento. Não é necessário levar o animal para fazer a inscrição.

 

Continuar a ler

Comunidade

Quatro cães são resgatados em situação de abandono em Canoas

Redação

Publicado

em

Quatro cães são resgatados em situação de abandono em Canoas - Foto: Renan Caumo

A Secretaria de Bem-Estar Animal (SMBEA) fez na terça-feira, 19, o resgate de quatro cachorros no bairro São José. Os cães, três fêmeas e um macho, estavam em situação de abandono em uma casa.

Na denúncia, é relatado que os maus-tratos aconteciam desde o ano passado. As equipes de fiscalização da SMBEA, a Guarda Municipal e a Polícia Civil estiveram presentes na ação.

Resgate de cães no bairro São José - Foto: Renan Caumo

Resgate de cães no bairro São José – Foto: Renan Caumo

Após o resgate, a equipe realizou um boletim de ocorrência na delegacia e os cães foram encaminhados para a Secretaria, onde devem passar por exames e tratamento adequado, de acordo com a diretora de Saúde Animal e médica veterinária da SMBEA, Katia Gueiral Lima.

“Eles receberão todo o suporte nutricional adequado, as medicações e vacinação, porque não sabemos como estavam antes”, completou. Essa já é a segunda vez que esses animais são resgatados pela secretaria.

O titular da pasta, Paulo Facio, reforçou que as equipes da SMBEA estão fazendo as fiscalizações e farão os resgates sempre que necessário.

“É impressionante o estado dos animais que estavam ali. Por isso, ressaltamos que a Prefeitura de Canoas está nas ruas fiscalizando. A SMBEA está checando as denúncias de maus-tratos. E nós vamos retirar, sim, os animais, caso seja preciso. Nós vamos combater os maus-tratos a animais em Canoas”, disse.

Abandono é crime; denuncie!

O abandono de animais é crime, de acordo com a lei 9.605/98. Em 2020, com a aprovação da lei 14.064 houve um aumento na pena para maus-tratos, prevendo de dois a cinco anos, multa e proibição de guarda.

Continuar a ler

Comunidade

Canoas se despede da ilustre Branca, adotada pela Casa dos Rosa, aos 17 anos

Redação

Publicado

em

Canoas se despede da Branca, adotada pela Casa dos Rosa, aos 17 anos

Na quarta-feira, 13, os canoenses se despediram da cachorrinha Branca, que viveu em Canoas por 17 anos. Conhecida e amada por muitos, Branca morou nas ruas da cidade, incluindo o Paradão, até chegar à Casa dos Rosa, onde acabou sendo adotada pelos responsáveis pelo local.

Branca conquistou o coração de muitos canoenses, como o pintor Adriano Pereira; o Carlinhos, fiscal da Sogal; gestores que passaram pela Casa; o Raul, da equipe de segurança, e, em especial, a Dona Niza, que a visitava e alimentava diariamente por 15 anos.

Os tutores da já saudosa Branca contam que ela também recebeu suporte do Bem-Estar Animal de Canoas, através da funcionária Simone.

Digna de exposição

Uma exposição está sendo montada com pinturas e fotos da cachorrinha na própria Casa dos Rosa, ainda sem data definida.

Continuar a ler
publicidade

Destaques

Copyright © 2023 Jornal Timoneiro. Developed By Develcomm