Conecte-se conosco

header-top



 




 

15/04/2024
 

Feira do Livro 2023

38ª Feira do Livro de Canoas inicia com diversas atividades na Praça da Emancipação; confira resumo

Redação

Publicado

em

38ª Feira do Livro de Canoas inicia com diversas atividades na Praça da Emancipação; confira resumo

A 38ª Feira do Livro de Canoas foi oficialmente inaugurada na sexta-feira, 6, em uma cerimônia realizada na Praça da Emancipação, em frente ao Paço Municipal.

O evento, reconhecido como um dos maiores festivais literários do estado do Rio Grande do Sul, tem como tema nesta edição a celebração dos 150 anos de Santos Dumont e presta homenagem à cidade de Viamão, bem como ao casal de escritores Luiz Antônio de Assis Brasil e Valesca de Assis, e ao maestro Octávio Longhi (in memoriam).

Os discursos começaram com o Secretário da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), Eliezer Pacheco, que enfatizou a meta de transformar Canoas em uma cidade que promova e seja referência na área cultural.

Crédito: Ageu Cardoso

Crédito: Ageu Cardoso

“Estamos dando início à 38ª Feira do Livro, que, juntamente com outros eventos recentes, como o Festival do Cinema e a Semana Farroupilha, está consolidando cada vez mais Canoas como um polo cultural. Acredito que esse deve ser o nosso grande objetivo, nos tornarmos uma cidade que inspire os municípios vizinhos”.

Logo em seguida, o curador da Feira do Livro, Luciano Alabarse, destacou a programação de alta qualidade do evento, que coloca a literatura em foco como elemento fundamental.

Crédito: Ageu Cardoso

Crédito: Ageu Cardoso

“Eu convido todos os canoenses, e até mesmo aqueles que não são de Canoas, a aproveitarem a Feira do Livro! Trabalhamos muitos meses para criar essa programação, pensando em atender a todos os públicos”.

O patrono da 38ª Feira do Livro de Canoas, Caio Riter, expressou sua gratidão pela oportunidade de representar um evento tão grandioso.

Crédito: Ageu Cardoso

Crédito: Ageu Cardoso

“Escrever é nutrir afetos e, sem o leitor, a literatura não pode cumprir seu papel mais importante, que é ser uma ponte para dentro e para fora. Estou profundamente honrado por ser o patrono de uma feira tão significativa como a de Canoas. Cada encontro com as palavras é sempre um convite para novas histórias, novos textos e novos poemas”.

Por fim, o prefeito municipal, Jairo Jorge, ressaltou a importância do evento, enfatizando que, mesmo diante das adversidades, a cultura não pode ser esquecida.

Crédito: Ageu Cardoso

Crédito: Ageu Cardoso

“Os livros sempre me permitiram voar, e a cultura tem um poder transformador, tocando a alma das pessoas. É por isso que, mesmo em um momento tão desafiador para as finanças da cidade, estamos aqui, realizando a Feira do Livro com determinação, porque não podemos abrir mão da cultura!”.

A 38ª Feira do Livro de Canoas acontecerá de 6 a 21 de outubro, com uma programação diversificada repleta de atividades literárias e culturais, presença de autores, artistas, palestras e contação de histórias. Você pode conferir a programação completa em canoas.rs.gov.br/feiradolivro.

Crédito: Ageu Cardoso

Crédito: Ageu Cardoso

Presentes

A cerimônia de abertura contou com a presença de diversas autoridades locais, incluindo o prefeito municipal, Jairo Jorge, a primeira-dama, Thais Pena, a subprefeita distrital Centro, Naligia Alves, o secretário municipal de Cultura, Eliezer Pacheco, o patrono da 38ª Feira do Livro de Canoas, o escritor Caio Riter, o curador da Feira, Luciano Alabarse, a coordenadora infanto-juvenil, Sônia Zanchetta, a arauta, Leila Silveira, a secretária municipal de Educação, Beth Colombo, o secretário municipal de Turismo de Viamão, cidade homenageada, Gugu Strait Jr., representando o prefeito da cidade.

Também estiveram presentes familiares de um dos homenageados, o maestro Octávio Longhi (in memoriam), os filhos Mauro e Silvia Longhi, a coordenadora do escritório estadual do Ministério da Cultura, Mari Martinez, os representantes do comandante do V Comando Aéreo Regional, brigadeiro aviador Marcelo Riveiro, e o assessor de relações institucionais, coronel aviador Paulo Rogério Glézer.

O evento contou ainda com a participação de Rafaela Mendes, representando o marketing corporativo do Zaffari, bem como de diversas outras autoridades, como o secretário chefe de gabinete da Prefeitura municipal de Canoas, Celso Pitol, demais secretários municipais, superintendentes, membros da equipe de governo, escritores, artistas, representantes de entidades culturais, amantes da literatura e vereadores.

Feira do Livro 2023

Gaúcha Jaqueline Nunes lança o livro Dilemas Poéticos no sábado, 21

Redação

Publicado

em

Gaúcha Jaqueline Nunes lança o livro Dilemas Poéticos no sábado, 21 - Foto: Ageu Cardoso

Por Laira Souza

A Feira do Livro de Canoas deste ano trouxe para a praça Emancipação obras de jovens escritoras. Dentre elas está o livro Dilemas Poéticos, da gaúcha Jaqueline Nunes, que será lançado na feira.

A obra de poemas relata dilemas do cotidiano com temas sobre meio ambiente, política, amores e questões sociais, por exemplo, tudo de uma forma “sutil, sem imposições”, como define a autora.

Aos 33 anos, Jaque conta que escreveu o livro até os 29 anos, trazendo um pouco da carga e das emoções das diferentes fases do amadurecimento, desde a infância, passando pela adolescência, até o início da idade adulta.

“Quando eu trintei virou uma chavinha na minha cabeça e mudou completamente a maneira de eu escrever. Mas a minha essência continua a mesma. Decidi que ali era o momento de eu colocar tudo isso para o mundo.”

Destaca que este é um livro escrito por uma mulher, mas não é direcionado apenas para mulheres, mas sim, para todos os públicos. “Trazem dilemas atípicos de momentos que eu ou o mundo estávamos vivendo. Tu não consegue ler algum destes poemas sem se questionar sobre o tema, sem refletir sobre algo. É um presente aos leitores.”

Até ter a obra pronta em mãos, foi um longo caminho e diversas tentativas de patrocínio. Através de uma rede de apoio profissional, o projeto do livro foi inscrito no  Programa de Incentivo à Cultura de Canoas (PIC), ao qual foi contemplado.

Lançamento

O lançamento será neste sábado, às 16h, no Café Literário. O livro, publicado pela Entreverbo, está disponível na Feira do Livro de Canoas ou nas principais plataformas digitais.

Continuar a ler

Feira do Livro 2023

Jovem expositor, Daniel começou a escrever após descobrir doença do irmão

Redação

Publicado

em

Jovem expositor da Feira do Livro, Daniel começou a escrever após descobrir doença dor irmão - Foto: Laira Souza

Tendo a vida e o cotidiano como inspiração, Daniel Maier, expositor da Feira do Livro, presenteou os canoenses com um conto sobre o que vivenciou na praça Emancipação.

Daniel começou a escrever em 2020, tendo como gatilho a neurofibromatose tipo 1, doença que seu irmão mais novo foi diagnosticado, ainda em 2016.

A ideia era informar as pessoas sobre a doença, para que passem por ela com mais leveza. E foi assim, que esse jovem rapaz, descobriu o seu talento para escrever.

…………….

Chove chuva em Canoas:

Daniel Maier*

Mais do que saber responder perguntas, ou desenvolver teses e trabalhos, o pesquisador é aquele que também sabe aproveitar a aventura que é chegar nas respostas.

Pelo menos sempre foi essa a percepção que tive, e agora iniciando minha vida de universitário, eu precisava navegar mais nesse mar que é a vida. Quando por indicação, começo a trabalhar na feira do livro, só que agora a de Canoas.

Assim como disse Jorge Ben: “chove chuva, chove sem parar”. Nessa terra a mesma situação, mas não seria isso que iria atrapalhar a grandiosa feira do livro. Desde o primeiro dia, algo que me chamou atenção foi ela.

Uma senhora de muito conhecimento, chapéu preto, sobretudo preto, e um sapato bico fino, representando Santos Dumont, a icônica arauta, que todas as manhãs toca seu sino e nos dá um bom dia repleto de entusiasmo e energia.

Após isso, surge um ambiente onde crianças brincam, dançam, sorriem e dão risadas, me pego imaginando como é cada um, cada qual com sua subjetividade, e nesse jogo de palavras, lembro da minha adolescência, lembro do tempo que escrever poemas era algo para expressar.

A tarde, é um rito uma pausa no Café Literário, onde surgem diversas conversas, ideias, e onde sinceramente há o melhor salgado e café da região de Canoas, a feira como um todo é sublime, majestosa, e acolhedora.

Como irmão de um raro, alguém que defende a bandeira da inclusão, eu vejo tantas crianças incluídas, os sorrisos, a alegria e a graciosidade.

E com estes mesmos olhos de mocidade, eu encontro o Batman na feira, apesar do Batman não ter mais de um metro e dez de altura, e também não usar a máscara, ele está sempre sorrindo, e sua alegria é inspiradora, além de cuidar da sua vovó com muito zelo.

Tem sido esse o tema das conversas com meu amigo Kim, a leveza das crianças, e a paixão pela vida. Sentados no restaurante próximo da esquina, duas alaminutas, e conversas jogadas ao cheiro da fritura no ambiente.

Pego meu celular que estava vibrando, e após correr os olhos pela tela, me lembro que não são apenas crianças que sentem paixão… Pela vida.

*Escritor

Continuar a ler

Feira do Livro 2023

Secretário de Cultura de Canoas, Eliezer Pacheco autografa “Sociedade e Política” hoje no Café Literário

Redação

Publicado

em

Secretário de Cultura de Canos, Eliezer Pacheco autografa “Sociedade e Política” hoje no Café Literário

O Café Literário da Feira do Livro de Canoas desta terça-feira, 17, será com o secretário municipal de Cultura, Eliezer Pacheco.

Na ocasião, o secretário vai apresentar para a comunidade canoense o oitavo livro de sua autoria “Sociedade e Política”. Com início às 16h, o encontro contará com sessão de autógrafos, na Praça da Emancipação, no Centro.

Ferramenta de reflexão

Segundo Pacheco, “Sociedade e Política” é recomendado para os jovens e adultos, principalmente estudantes e professores, como uma ferramenta de reflexão.

“Escrevi com a tentativa de propor instrumentos para interpretação da realidade em que vivemos. Estamos perplexos com os acontecimentos de conflitos no mundo. Procuro fazer uma análise do capitalismo atual de forma democrática”, explica.

 

Continuar a ler
publicidade

Destaques

Copyright © 2023 Jornal Timoneiro. Developed By Develcomm