Prefeito Jairo volta a articular criação do aeromóvel com custo de 1,7 bilhão

Divulgação PMC

O prefeito Jairo esteve nesta segunda-feira, 7, em Brasília, onde se reuniu com o chefe de gabinete do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Fernando Machado Diniz, para propor a criação de um grupo de trabalho para implantação do aeromóvel em Canoas.

Para o prefeito, a ideia é construir junto ao Governo Federal uma articulação para que seja possível viabilizar o projeto o mais rápido possível.

O projeto de Canoas prevê 18 quilômetros de linhas e 24 estações, com capacidade para até 12 mil passageiros por hora e 82 mil por dia.

O custo da obra está estimado em R$ 1,7 bilhão. É um meio de transporte de baixíssimos índices de poluição e o custo de implantação e de operação é baixo. O prefeito também convidou o ministro Rogério Marinho para a inauguração do Residencial Santa Fé, no dia 25 de junho, na semana comemorativa do aniversário de Canoas.

Polêmico, o aeromóvel já foi tema de diversas discussões e ações na Justiça.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here