Escolas canoenses retomam aulas presenciais após 11 meses fechadas

Foto: Divulgação Escola Espírito Santo

Os estudantes canoenses da rede pública, estadual e privada voltam às aulas presencias em 2021. O retorno ocorre depois de 11 meses de escolas fechadas por causa da pandemia do novo coronavírus, com praticamente um ano letivo inteiro feito por videoaulas e atividades remotas em todas instituições canoenses. Em algumas escolas particulares, as aulas já foram retomadas ao longo da primeira quinzena de fevereiro.

O retorno das aulas ocorre nos modelos presencial, misto ou online. Cada instituição de ensino particular optou por um modo onde os pais escolheram o ensino que cada aluno iria seguir. Já nas escolas públicas municipais e estaduais, o retorno será de forma escalonada e com opções de aulas remotas aos alunos que optarem por não retornarem.

Rede municipal canoense retorna na próxima segunda, 22

A Prefeitura Municipal de Canoas divulgou nesta semana as etapas e dicas de como irá acontecer o retorno das aulas na rede municipal da cidade.

Segundo o comunicado, todas as escolas municipais receberam recursos para a compra dos equipamentos de proteção individual necessários pelos próximos quatro meses. Além disso, a Prefeitura está providenciando a aquisição de mais EPIs; álcool líquido 70%; álcool em gel 70%; água sanitária para limpeza em geral; papel-toalha; sabonete líquido; face shield (protetor facial) e termômetros infravermelho, entre outros itens de higiene e prevenção à Covid-19.

O retorno será gradual entre os meses de fevereiro e abril, as aulas para as turmas da Educação Infantil recomeçam na próxima segunda-feira,22. No começo de março, os professores do Ensino Fundamental agendaram avaliações diagnósticas individuais aos alunos, junto com a entrega dos uniformes e dos materiais escolares. Em abril, os estudantes vão se revezar entre as atividades presenciais e as remotas (em casa). Cada sala, no modo presencial, vai ter o máximo de 50% de ocupação da turma.   A adesão ao modelo presencial vai depender da autorização do responsável de cada aluno. Os alunos com maior dificuldade de acesso à plataforma online e os de maior dificuldade de aprendizagem terão prioridade no modo presencial. O modo remoto será realizado pela plataforma Google Sala de Aula ou pelo fornecimento de material impresso, a ser retirado na escola.

De acordo com a Prefeitura, durante as aulas, as escolas terão rotinas de informação das medidas de prevenção, com monitoramento do uso de máscaras de trabalhadores e alunos. Os materiais de uso comum serão higienizados regularmente e não será permitido partilhar materiais escolares.

Veja o calendário de retorno

22 de fevereiro – turmas da Educação Infantil – iniciará com o acolhimento, com os horários agendados para os pais.

1º de março – alunos do Ensino Fundamental 2 – alunos dos anos finais (do 6° ao 9º ano)

08 de março – alunos do Ensino Fundamental 1 – alunos dos anos iniciais (do 1º ao 5º ano)

Março – Reservado às avaliações individuais, nas quais os alunos do ensino fundamental, do 1º ao 9º ano, serão divididos em grupos de, no máximo, sete alunos por turma, para fazer avaliação diagnóstica, respeitando os protocolos de distanciamento social. As aulas também serão enviadas de forma remota neste período.

25 e 26 de fevereiro – Formação de professores para implementação do modelo híbrido de ensino. Consistirá em acolhimento pedagógico, detalhamento da modelagem híbrida e ambiente virtual de aprendizagem.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here