Município inicia atividades do Janeiro Branco para cuidados com Saúde Mental

O Janeiro Branco é uma campanha iniciada em 2014 em Minas Gerais e hoje é realizada no país todo. Foi escolhido o mês de janeiro, para durante o mês inteiro, nos propormos a pensar sobre nós mesmos e sobre nosso auto cuidado e cuidado com o outro, colocando a subjetividade humana num lugar de destaque.

De acordo com a coordenadora do CAPS, psicóloga Carolina Sartor Lara Monteiro, por se tratar de assunto cada vez mais relevante é que durante o mês de Janeiro, algumas ações estarão sendo realizadas, pela equipe do CAPS e do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (NASF-AB), na comunidade e nas unidades de saúde, visando cada vez mais esclarecer que não é necessário falar sobre Saúde Mental apenas quando ela nos falta, nos deixando doentes. “Mais do que nunca, PRECISAMOS FALAR SOBRE SAÚDE MENTAL, principalmente porque há sofrimentos que podem ser prevenidos, dores que podem ser evitadas, violências que podem ser impedidas, cuidadas ou reparadas e exemplos que podem ser partilhados”, disse.

Falar sobre Saúde Mental significa falar sobre muitas coisas. Existe Saúde Mental em tudo que nos rodeia:
– educação,
– trabalho (emprego/desemprego),
– estresse,
– solidão,
– maternidade/ paternidade,
– projetos,
– dores,
– cultura,
– amor,
– preconceitos e violências,
– sentimentos,
– fundamentalismos,
– amizade,
– infância,
– alcoolismo,
– medicalização da vida,
– paz e políticas públicas.