Editorial: “O que eu posso fazer para ajudar o Gracinha?”


Editorial

Nosso Gracinha

Ele sempre esteve de portas abertas para a comunidade, mesmo durante as crises mais graves, nunca deixou de atender.

Agora a sua situação financeira é muito difícil, precisa de apoio do nosso povo.

É necessário fazer-se uma pergunta: O que eu posso fazer para ajudar o nosso hospital?

Não basta fazer apenas crítica, é preciso analisar a situação difícil, estender as mãos, e tomar iniciativa para ajudá-lo a sair da crise.

É bom que cada um faça isso, que chame sua entidade, seu sindicato, o clube do qual participa, o CTG, a ONG, a sua igreja, a escola e a universidade, com um pouquinho de todos nós conseguiremos sair da grave situação do nosso hospital.

Vamos tomar a iniciativa, e verificaremos que podemos ser útil à nossa cidade.