Vereador cria PL que obriga ônibus canoenses a terem cobrador

O parlamentar Márcio de Freitas (PDT) protocolou ontem, 3, um PL (Projeto de Lei) que dispõe sobre a obrigatoriedade de cobradores de ônibus no transporte coletivo de Canoas.

A nova licitação de ônibus que foi lançada em agosto prevê a extinção da categoria, e acumulação de função ao motorista, que faria o serviço de cobrança da tarifa. O vereador falou sobre a importância do trabalho conjunto entre cobradores de ônibus e motoristas. “Eles desempenham atividades de grande valor para os cidadãos canoenses, transportando diariamente milhares de pessoas de casa para o trabalho, do trabalho para a casa, estudantes para a escola, aposentados para suas tarefas cotidianas e atividades de lazer. Acabar com a atividade de cobrador geraria um caos no transporte coletivo de nossa cidade e acarretaria prejuízos para toda a população”.
O risco que o motorista atribuir outra função para além de dirigir, segundo o vereador poderia acarretar uma série de riscos de acidentes comprometendo a integridade física de todos os passageiros, além-a do próprio motorista.

“Penso que é papel do Vereador criar ações efetivas para resolver os problemas dos trabalhadores e não ficar somente no discurso”, concluiu o parlamentar.
O projeto está tramitando na Câmara de Vereadores.