Conecte-se conosco

header-top






 

21/02/2024
 

Saúde

Covid: Vacinação segue para população de 46 anos e grupos remanescentes nesta quarta-feira, 30, e mais…

Redação

Publicado

em

Os canoenses já contemplados na campanha de vacinação contra a Covid-19 poderão receber a primeira dose nesta quarta-feira, 30, em cinco unidades básicas de saúde (UBSs). A imunização acontecerá das 8h às 12h, ou enquanto durarem as vacinas.

Além da população a partir de 46 anos, podem se vacinar cuidadores responsáveis por crianças ou por adolescentes com deficiência permanente, grávidas, puérperas, caminhoneiros e pessoas com comorbidades ou deficiência permanente. Cada grupo prioritário deve apresentar documentos específicos.

As pessoas que fizeram a vacina da gripe devem aguardar o intervalo mínimo de 14 dias para receber o imunizante contra a Covid. Para mais informações e esclarecimento de dúvidas, a população pode entrar em contato com a SMS pelo 0800 647 0156 e o WhatsApp (51) 3425-7623 – ZAP Saúde Canoas.

2ª dose da CoronaVac estará disponível nesta quinta-feira, 1º, para quem não se vacinou

A Secretaria Municipal de Canoas disponibiliza nesta quinta-feira, 1º a segunda dose da CoronaVac para os canoenses que ainda precisam completar o esquema vacinal. O serviço estará disponível na  Sala de Imunização do Hospital Universitário de Canoas (HU), das 9h às 15h.

É necessário levar documento de identidade com foto e CPF, comprovante de residência no município e carteira com registro da primeira dose. O HU fica na Av. Farroupilha, 8.001, no bairro São José.

Canoas segue com a vacinação contra a Covid-19 para trabalhadores da indústria 

De acordo com dados divulgados pela Prefeitura, mais de 1,7 mil industriários foram vacinados contra a Covid-19 até a tarde desta terça-feira, 29, em Canoas. As equipes da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) já aplicaram as doses em trabalhadores de 60 empresas.

Para agendar a imunização, as empresas devem entrar em contato com a Secretaria da Saúde pelo e-mail canoasimuno@gmail.com e enviar a listagem com os nomes e CPF dos profissionais. No total, já foram vacinados 1.706 trabalhadores, que integram os grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde.

Ao longo desta semana, serão imunizados os funcionários da AGCO, Maxiforja e Springer. O cronograma é definido conforme a chegada de doses ao município.

 

Continuar a ler
Clique em Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Saúde

Comitê de enfrentamento ao Aedes aegypti será lançado em Canoas na quarta-feira, 21

Redação

Publicado

em

Comitê de enfrentamento ao Aedes aegypti será lançado em Canoas na quarta-feira, 21

Cerca de 400 Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias, assim como autoridades municipais, são esperados para a sensibilização Canoas Unida Contra a Dengue. Durante o encontro está prevista a criação do Comitê de Enfrentamento das Arboviroses (doenças transmitidas pelo Aedes aegypti).

A atividade, coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde, acontece na quarta-feira, 21, às 9 horas, no auditório 220, no Prédio 1, na Ulbra (Avenida Farroupilha, 8001, Bairro São José).

“Durante o evento vamos reforçar e fortalecer as ações de orientação sobre o vetor das arboviroses, o Aedes aegypti, que é o mesmo transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya. Estamos mobilizando diferentes secretarias da Prefeitura e também queremos contar com o apoio da comunidade no enfrentamento ao mosquito”, pontua o secretário municipal de Saúde, Jurandir Maciel.

O médico veterinário e técnico da Vigilância em Saúde/SMS de Canoas, Roger Halla, vai palestrar durante a sensibilização.

“O enfoque será o enfrentamento ao Aedes. Pretendo abordar as arboviroses (que englobam a dengue, zika vírus e chikungunya), epidemiologia básica destas doenças, biologia do vetor, potenciais criadouros, sinais e sintomas e medidas de prevenção”, adianta Halla.

Casos na cidade

A Secretaria de Saúde segue monitorando os casos de dengue, conscientizando a população, fiscalizando possíveis focos e realizando ações de combate ao mosquito adulto Aedes aegypti, em diferentes bairros.

Com surto epidêmico de dengue identificado, o bairro Estância Velha tem recebido visitas dos Agentes de Endemias eliminando criadouros e constantes aplicações de inseticidas para diminuir o mosquito transmissor.

Denúncias de possíveis focos de dengue podem ser feitas pela Central de Atendimento ao Cidadão (CAC) pelos telefones: 08005101234 ou 32361079.

 

Continuar a ler

Saúde

Prefeito Nedy participa de ação contra Dengue no bairro Estância Velha; casos chegam a 96 na região

Redação

Publicado

em

Prefeito Nedy participa de ação contra Dengue no bairro Estância Velha; casos chegam a 96 na região - Foto: Vinicius Thormann

Na segunda-feira, 19, o prefeito em exercício de Canoas, Nedy de Vargas Marques, participou da operação de pulverização contra a dengue, acompanhado pelo Secretário de Saúde, Jurandir Maciel. A iniciativa visa combater o surto epidêmico nessa região de Canoas.

Sobre a ação

A ação foi realizada no bairro Estância Velha em trechos das ruas Júlio Pereira de Souza, Walter Spiess, Canela, Jabuticabas e Alcides Sabedot.

“Estamos enfrentando um desafio sério com o surto de dengue no nosso país, e em Canoas não é diferente. A Prefeitura está fazendo a sua parte para frear a propagação do vírus, mas é fundamental que cada cidadão esteja atento e adote medidas preventivas em seus lares. Juntos, podemos derrotar a dengue”, enfatizou Nedy.

Dengue em Canoas

A Secretaria de Saúde emitiu um Alerta Epidemiológico após confirmar casos autóctones de dengue. Segundo o boletim semanal, 126 pessoas foram diagnosticadas com a doença em Canoas, sendo 96 casos no bairro Estância Velha. Esses números reforçam a gravidade da situação, configurando um surto epidêmico na região.

Além da aplicação de inseticidas e monitoramento dos casos, a Diretoria de Vigilância em Saúde realiza ações de conscientização e fiscalização de possíveis focos do mosquito transmissor.

As pulverizações ocorrem após a Pesquisa Vetorial Especial (PVE) e são direcionadas a áreas com registros positivos para Dengue, Chikungunya e Zika vírus, visando bloquear a circulação do vírus na região.

Conforme o médico veterinário que é técnico da Saúde de Canoas, Roger Halla, cada morador pode fazer semanalmente uma checagem em seu pátio para verificar se não há focos de mosquitos, observando os métodos de prevenção.

Por exemplo, não acumular entulhos e lixo, verificar potes, vasos de plantas, ralos e calhas de casa, que possam armazenar água, entre outros.

Denúncias de possíveis focos podem ser feitas pela Central de Atendimento ao Cidadão (CAC) pelos telefones: 08005101234 ou 3236-1079.

 

Continuar a ler

Saúde

Vacinação contra a Covid-19 continua em 2024

Redação

Publicado

em

Canoas segue com a vacinação Covid 2024 em todas as 27 Unidades Básica de Saúde. Conforme orientação do Ministério da Saúde, devem procurar o serviço todos que não completaram o esquema primário de vacinação, com primeiras e segundas doses. O serviço funciona das 8h às 17h, em todas as Unidades de Saúde. Para receber a vacina, os canoenses devem apresentar o CPF ou o cartão do SUS.

A dose de reforço da bivalente é direcionada para pessoas que fazem parte do grupo prioritário (conforme tabela abaixo). “Para o reforço da vacina bivalente para o grupo prioritário é necessário que o intervalo da primeira dose da vacina bivalente seja de seis meses entre elas” esclarece a enfermeira, Luciane Brum.

Vacinação Covid Baby e Covid Pediátrica e Bivalente

A Secretaria de Saúde disponibiliza as doses da vacina Covid Baby (6 meses até 4 anos), a Covid Pediátrica (5 a 11 anos) e o Reforço Bivalente para os Grupos Prioritários, em todas as Unidades Básicas de Saúde. A partir de 1º de janeiro deste ano, o Ministério da Saúde e Programa Nacional de Imunizações incluiu, oficialmente, a vacina covid para crianças de 6 meses a 4 anos no Calendário Nacional de Vacinação. A vacina deve ser feita pelas crianças com e sem comorbidades com o objetivo de garantir proteção contra as piores formas da doença.

Veja quem faz parte do grupo prioritário para a dose reforço da vacinação covid bivalente

  • Pessoas de 60 anos ou mais
  • Pessoas imunocomprometidas
  • Pessoas vivendo em instituições de longa permanência (ILPI e RI) e seus trabalhadores
  • Indígenas
  • Ribeirinhos
  • Quilombolas
  • Gestantes e puérperas
  • Trabalhadores da saúde
  • Pessoas com deficiência permanente
  • Pessoas com comorbidades
  • Pessoas privadas de liberdade
  • Funcionários do sistema de privação de liberdade
  • Adolescentes e jovens cumprindo medidas socioeducativas
Continuar a ler
publicidade

Destaques

Copyright © 2023 Jornal Timoneiro. Developed By Develcomm