Um Natal atípico, mas sem perder a tradição

Por Graziele Albuquerque

O ano de 2020 foi um ano atípico. Por todos os cantos do mundo, enfrentamos, e continuamos enfrentando, uma pandemia histórica por conta do novo coronavírus, e com isso tivemos que nos adaptar a ele. Nesta quinta-feira, 24, é véspera de Natal, um momento de reflexão, de repensar comportamentos e recarregar as energias junto daqueles que amamos. Diante do novo cenário, muitas famílias repensaram a forma de comemorar a data festiva, pois a proteção dos familiares é o mais importante neste momento, mas sem deixar de lado a magia do Natal.

A técnica de enfermagem Iara Mendes optou por evitar aglomerações em eventos familiares tradicionais, como em outros anos. “Mesmo com menos pessoas, não deixaremos de estar juntos, com todos os cuidados que precisamos ter, mas em família. Acho que esse ano mais do que qualquer outro a gente tem que prezar pela reunião, por ter sido um ano tão difícil temos que valorizar ainda mais os momentos que passamos juntos”.

Mesmo com todas as limitações deste Natal diferenciado, a canoense fez questão de preparar toda a casa e manter a tradição natalina, com decorações, ceia e trocas de presentes. “Isso vai permanecer. Desde pequena aprendi a amar essa época, meus pais me ensinaram e passei isso aos meus filhos. Não teremos abraços e beijos, como de costume, mas teremos muito amor, o que é essencial. Iara acredita que existem muitos motivos para agradecer. “A palavra que define este ano é gratidão,  ela vai tornar os momentos mais especiais ainda. Vai ser uma ocasião para comemorar a vida, agradecer o fato da gente poder estar ali com as pessoas que amamos”, conclui.

O Jornal Timoneiro separou alguns cuidados necessários para reduzir risco de contágio na sua festa de Natal

– Reuniões com no máximo 10 pessoas e com duração mínima possível.

– Preferir ambientes abertos, como quintal ou varanda, e se não for possível, manter janelas abertas.

– Convidados devem deixar o sapato fora de casa.

– No banheiro substituir toalha de pano por papel toalha.

– Não deixar os recipientes com comida na mesa. Já que ali as pessoas vão retirar a máscara.

– Para evitar que todos toquem nos mesmos talheres, uma pessoa deve servir a todos ou usarem luvas para se servir.

– Na hora de comer, fazer um rodízio na mesa, reunindo somente pessoas que moram na mesma casa a cada rodada.

– Outra opção na hora da refeição, é manter o distanciamento de um metro e meio das pessoas na mesa.

– Use máscara o tempo todo, higienize as mãos com álcool gel e manter distanciamento de um metro e meio.

– Abraços e beijos estão proibidos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here