Educação Social e(m) Rede capacita profissionais

Profissionais de diversas áreas e que formam ou atuam na rede de amparo à criança e ao adolescente participam, desde a última quarta-feira, 29, da atividade de formação Educação Social e(m) Rede.
A atividade, que está sendo realizada no auditório da Prefeitura Municipal, também capacita e integra as equipes que irão administrar a Casa de Acolhida de Nova Santa Rita.
A Casa será mantida pela Prefeitura, com acompanhamento de integrantes da rede, como, por exemplo, secretarias municipais de Cidadania e Assistência Social; Saúde; Educação; COMDICA; Conselho Tutelar e Ministério Público.
A administradora será a Associação Arte Cultura para a Paz Isaura Maia, vencedora da licitação aberta pela Prefeitura.
A Casa não terá sua localização divulgada em respeito ao Estatuto da Criança e do Adolescente, no que diz respeito à proteção da criança e do adolescente.
A localização anterior, cujas instalações são nas dependências do Parque Olmiro Brandão, foi desabilitada pelo Estado, por não oferecer requisitos técnicos para função.

O que é uma Casa de Acolhida

Os serviços de acolhimento institucional são destinados a meninos e meninas, de 0 a 18 anos incompletos, em situação de vulnerabilidade pessoal e social, impossibilitados de retornar à convivência familiar e comunitária. As crianças e adolescentes são encaminhados por meio do Conselho Tutelar, da Vara da Infância e Juventude e do Ministério Público. Os espaços de acolhimento integram a rede de Proteção Social Especial de Alta Complexidade do Sistema Único de Assistência Social – SUAS.
Por que esta casa é importante para a cidade
A Casa de Acolhida atenderá jovens da cidade, possibilitando manter o vínculo com a terra natal, evitando que os mesmos sejam mantidos em residências em outras cidades.